home selena galeria site créditos

12 de jul de 2011

ENTREVISTA PARA A FEMALE FIRST

Selena Gomez está aproveitando seu sucesso na TV, na música e nos filmes e estará de volta na telinha para a 4 e última temporada de Os Feiticeiros de Waverly Place.
Ela esteve em Londres no final da semana passada para ajudar a promover o Disney Channel HD e eu encontrei com ela para falar sobre seus projetos que estão em movimento no momento.
- Você fez uma apresentação em Londres para lançar o Disney Channel HD. Como foi?
Foi maravilhoso, muito divertido. Essa é a melhor parte do que eu faço, eu realmente gosto de compartilhar minha música com todos.
- A 4 temporada de Os Feiticeiros de Waverly Place está vindo para o Reino Unido. O que devemos esperar da série desta vez?
Essa é a 4 mas também a última, então nós sentimos que queríamos levantar o jogo - por isso há muito mais efeitos especiais, muito mais específicos. Tem também umas histórias bem engraçadas mas para acabar a série, os episódios finais são bem intensos, mas bem divertidos.
- Como você disse, é o temporada final da série, então o quão triste você ficará de deixar a personagem Alex Russo para trás?
Estamos à frente dos Estados que temos, infelizmente, a temporada terminou, mas tem sido muito difícil e eu sinto muita falta da Alex. Mas por outro lado, é a hora certa de acabar com a série.
- Você mencionou que essa temporada tem mais efeitos especiais. Então, como você conseguiu trabalhar com eles?
Eles são a coisa mais difícil pra eu trabalhar, principalmente porque eu não sou observadora – Eu gosto de ver as coisas e senti-las e não é fácil falar com um pedaço de fita.
- When The Sun Goes Down é o seu terceiro álbum de estúdio. Então como você descreveria sua música para uma pessoa que a estaria escutando pela primeira vez?
Basicamente é uma boate em um CD. Eu queria fazer música que era realmente eletrônica, dançante e divertida. Isso tem sido a minha vibração até este ponto e eu acho que esse álbum tem exatamente isso, de uma forma muito divertida e atrevida.
- Você escreveu a música When The Sun Goes Down. Para você, o quão importante é mostrar seu talento em ser escritora?
É bem divertido porque você pode tornar a música pessoal e usar experiências que você já passou. Infelizmente, eu não tenho tempo para escrever músicas para um álbum como eu queria.
- Você começou sua carreira atuando. Mas a música era algo que você queria fazer?
Ah sim, definitivamente. Eu tenho o nome de uma cantora e a música realmente era muito grande na minha casa enquanto eu estava crescendo. Eu sempre amei música e entreter as pessoas, era apenas sobre encontrar a hora certa, eu acho.
- Como você achou a transição de atuar para cantar, embora você não tenha desistido de atuar?
Tem sido divertida, tem sido bem melhor do que eu esperava – a reação que eu tenho recebido para a minha música tem sido maravilhosa.
- Assim como na televisão e na música, nós também estaremos a vendo na telona em Monte Carlo – você pode me dizer um pouco sobre o filme?
Monte Carlo é tipo uma comédia romântica/filme de aventura que segue três meninas que viajam para Europa, esperando ter uma ótima viagem – mas termina sendo um completo desastre. Elas se chocam com uma herdeira britânica, que eu também interpreto, e nós trocamos de vida com ela, sem ela saber, para fazer nossas férias ficarem melhores. Nós nos apaixonamos por algumas pessoas no caminho, então é realmente muito engraçado.
- Você assume o papel de Grace. Então, sobre o que é sua personagem e o que do script te atraiu para o filme?
Obviamente eu tenho uma base de fãs leais, na qual eu tenho atração. Eu amo fazer meus fãs felizes, então eu queria fazer um filme que todo mundo pudesse ir ver. E foi muito divertido, porque Leighton, Katie, Cory e todo mundo do elenco eram maravilhosos. Mas Grace, é uma personagem relatável, ela é uma menina que não se encaixa na escola, mal pode esperar para sair de lá, ver o mundo e fazer uma vida melhor pra ela. - Eu sinto que muitas pessoas podem se relacionar com isso.
- Você tocou na minha próxima pergunta. O filme, tem um ótimo elenco Katie Cassidy, Leighton Meester e Andi McDowell. Então, como você conseguiu trabalhar ao lado de todos eles?
Isso foi bom pra mim porque eu não sou tão experiente quando todos eles, então foi muito bom estar no set com profissionais que são amáveis, fofos e humildes.
- Você mencionou que você quer atrair seus fãs pelo trabalho que você faz, mas como You mentioned that you want to appeal to your fans with the work that you do mas como você está interessada em se afastar disso e assumir papéis mais desafiadores e dramático?
Eu acho que é tudo sobre dar pequenos passos e eu não estou pensando muito nesta direção nesse momento – Eu apenas quero fazer coisas diferentes e trabalhar o meu caminho até esse ponto.
- Sua música e TV estão indo muito bem. Mas seus papéis nos filmes serão algo que você irá focar mais agora?
Eventualmente, isso é tudo o que eu vou estar focando, porque essa é a direção que eu realmente quero estar por um bom tempo. Eventualmente, o meu foco vai se alterar para isso.
- Como funciona o filme, comparado com a TV? Quanto o papel no filme vai ser algo em que você irá se concentrar?
Estar numa série por quatro anos e meio é tudo o que você sabe e é a sua vida, você apenas quer ir e fazer coisas diferentes. A maior coisa que me atrai sobre filmes é que você não está interpretando o mesmo personagem e você tem a oportunidade de fazer isso.
- Finalmente, o que vem por aí pra você – tem alguns rumores sobre você fazer a versão mais jovem de Sex and the City. Tem algo de verdade nisso?
Não, não tem nada de verdade nisso. Mas eu estarei fazendo uma summer tour pelos EUA, que eu estou muito animada, e espero estar fazendo outro filme no outono.
Fonte: Female First 

Nenhum comentário:

Postar um comentário